Artigos

Residência Pedagógica

19 de julho de 2022

O que é? Como fazer parte?

Embora não seja tão conhecida quanto a residência médica, nosso país possui a modalidade de residência pedagógica para qualquer aluno de licenciatura que queira aprofundar seus conhecimentos sobre a docência, toda baseada em vivências práticas de sala de aula. É muito comum que um aluno que queira se tornar professor passe por essa residência, geralmente com um PIBID. 

Aqui no Instituto, e também no Educbank, nós acompanhamos a reflexão sobre a residência pedagógica com entusiasmo, somos partidários desse projeto educacional. Tudo começa com a imersão do aluno em alguma escola da educação básica. Este aluno é acompanhado por um docente com ampla experiência em sala de aula. Um intuito muito importante desse programa é o de intensificar a relação entre instituições de ensino superior e as escolas de educação básica, relação esta que, aliás, é muito importante para o desenvolvimento de um diálogo entre ensino básico e superior. 

Regência de sala de aula e intervenção pedagógica são duas submodalidades da residência. Ambas importantes para a conquista da experiência em sala de aula do futuro professor. Um conhecimento prévio da proposta pedagógica da rede de ensino eleita para receber os futuros docentes é necessário. Isso porque as instituições de ensino superior elaboram – neste programa, com algum direcionamento – a residência com base na proposta da escola escolhida. 

Por isso mesmo, há um regime de colaboração entre universidade e escola que possui até mesmo documento oficial, o assim chamado “Acordo de Cooperação Técnica”. Ele faz parte dos governos federal e municipal, e contempla todas as instituições de ensino superior que se inscrevem, mais as escolas da educação básica. O orçamento da residência pedagógica se ampliou recentemente. Hoje são garantidos 178 milhões de reais anualmente para pagar as bolsas de formação de professores da educação básica. 

Esse programa pode ser uma grande fonte de inspiração para programas de iniciativa privada. É compreensível que tudo que toca em orçamento público é mais complexo de gerenciar e precisa de mais regras para que possa ser executado. Logo, nós, aqui no Instituto Educbank, estamos ansiosos para preparar também o nosso equivalente a uma residência pedagógica, atenta aos preceitos da BNCC e atentos também a experiência anterior, essa que acabamos de apresentar. A formação continuada de professores é um dos pilares do Instituto Educbank. Há muito por vir no setor de educação básica e a inovação nele é a nossa palavra de ordem. 

Leia também

O Educbank na mídia:

img
img
img
img
img
img
img
img
img
img
img
img